TALHADOS PARA A VERDADE | P. B. Lemos Filho

30 maio

Não nascemos talhados para a verdade. O ser humano, em toda a sua estrutura, não passa de vaidade, de mentira. Porque a Palavra revela que o homem, por mais firme que esteja é “pura vaidade”. É vento. É vazio.  Não possui vida em si mesmo, haja vista que se ela lhe for tomada, não mais esse homem ou mulher existirá.

A realidade vivenciada pelo homem, na sua cultura é limitada, e embora, nela encontremos algum lampejo da verdade, não a vislumbramos por completo. A vivência humana começa do seu próprio interior. Como afirma Jesus: “Eu, porém, vos digo, que qualquer que atentar numa mulher para a cobiçar, já em seu coração cometeu adultério com ela.” (Mt 5.28) e mais: “Porque do coração procedem os maus pensamentos, mortes, adultérios, prostituição, furtos, falsos testemunhos e blasfêmias.” (Mt 15.19) e também: “Porque do interior do coração dos homens saem os maus pensamentos, os adultérios, as prostituições, os homicídios,” (Mc 7.21)

Apenas mediante o arrependimento dado pelo Espírito de Deus ao homem podem os pensamentos ser transformados, modificados a partir da raiz e perdoados: “Arrepende-te, pois, dessa tua iniquidade, e ora a Deus, para que porventura te seja perdoado o pensamento do teu coração” (At 8.22)

A inveja e os sentimentos de divisão e contenda procedem de um coração não afeto da verdade “Mas, se tendes amarga inveja, e sentimento faccioso em vosso coração, não vos glorieis, nem mintais contra a verdade.” (Tg 3.14) Apenas se nos rendermos à verdade, e à obra de Cristo na cruz é que teremos o meio de nos achegarmos a Deus: “Cheguemo-nos com verdadeiro coração, em inteira certeza de fé, tendo os corações purificados da má consciência, e o corpo lavado com água limpa.” (Hb 10.22) , porque a verdade do evangelho é de que: “Não pelas obras de justiça que houvéssemos feito, mas segundo a sua misericórdia, nos salvou pela lavagem da regeneração e da renovação do Espírito Santo.” (Tt 3.5)

A verdade como verdade deve ser imposta? Não. Ela não deve ser imposta, mas deve ser apresentada. O próprio Senhor Jesus Cristo quando afirmou que era a verdade encarnada, não a impôs a ninguém, mas se apresentou a si mesmo como Deus e o Salvador do mundo a despeito do “bico” e das “ofensas” dos religiosos da sua época que seguiam seus preceitos pré-concebidos. Diante de Pilatos Jesus (que poderia ter feito) não se impôs quando aquele perguntou “o que é a verdade?” Jesus se calou, uma vez que a verdade estava bem ali, diante dos olhos carnais de Pilatos.

A verdade do evangelho é anunciada. E deve sê-lo. Sem medo e sem escusas. O próprio apóstolo Paulo afirma que o Evangelho é o PODER DE DEUS PARA A SALVAÇÃO DE TODO AQUELE QUE CRÊ. E se é assim, cumpre proclamar essa verdade, doa a quem doer, sejam feridos os interesses que forem feridos. Não podemos nos abster. Devemos confrontar o erro, de modo pacífico, às vezes veemente, mas enfático. Nossa luta não é contra o sangue ou a carne, mas sabemos que o príncipe deste mundo, cega os que não creem no Evangelho, para que se oponham e reneguem a Verdade. Assim também éramos todos nós, que também nascemos rebeldes ao Evangelho da Verdade.

Lutar pela verdade é algo tão crucial que Paulo adverte que mesmo que um anjo, ou até mesmo ele mesmo, pregasse um evangelho que fosse além do que aquele que Cristo revelara fosse amaldiçoado! 

Embora seja verídico que não podemos abrir os olhos aos cegos espirituais, pois essa é uma missão divina; devemos testemunhar a respeito da verdade. Apenas o Espírito Santo tem competência para acrescentar pessoas ao Caminho da Verdade e, convenhamos, em mais de dois mil anos desde o advento de Jesus Cristo, Ele tem feito isso muito bem, tanto que a promessa é de que o Evangelho do Reino será pregado como testemunho a todas as nações antes da consumação dos séculos. E esta é a nossa tarefa.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: